Notícias de Fátima
Religião Educação Sociedade Lazer Desporto Política Opinião Entrevistas Como Colaborar Contactos úteis Agenda Paróquia de Fátima
PUB
Home Capas

Edição | 20 de Março de 2020

     Rui Marto, director

 

Aquilo que até agora nos parecia evidente, normal, sem relevo, veio para cima e desafia‑nos a uma nova organização da vida quotidiana e social, no nosso burgo e a nível planetário. Nunca visto, as superfícies comerciais, as farmácias empenhadas num controlo rigoroso dos seus clientes; escolas, catequeses, igrejas, associações, restaurantes, hotéis, lojas, eventos programados... com o rótulo “ADIADO” ou “ANULADO”. Empresas incapacitadas de responder a tempo com os seus compromissos, empregados em casa... um sem fim de medos, ansiedades, incertezas. E sempre o espectro do vírus que avança como exército contra todos os exércitos para os vencer.

 

Um mundo, o nosso, irreconhecível. Mas há ainda seguramente outro mundo, um mundo aparte, com certeza: na cavaqueira tranquila, jovens e adultos, homens e mulheres, saboreiam nas várias horas do dia, nas esplanadas ou bem aconchegados uns aos outros, o seu “cafezinho”, ignorando regras de proximidade, conselho de segurança e higiene... os sem medo!

 

Um passo gigantesco tomou‑o certamente a Conferência Episcopal Portuguesa proibindo as missas comunitárias até terminar o surto maléfico, sabendo que a vida e saúde de cada pessoa é mais importante. Foi boa notícia por estes dias saber da fileira longa de médicos, enfermeiros, pessoal auxiliar, que respondeu à chamada para cuidar dos doentes; o intercâmbio de informação dentro da comunidade científica nestes dias, sabendo nós que muitas vezes as descobertas são guardadas em proveitos próprios, como se fosse o seu ganha pão... Uma corrente solidária a todos os níveis, uma compreensão maior dos acontecimentos e a opção, livre, de continuarmos a viver, todos os que for possível. Já noutras circunstâncias temos verificado ondas de solidariedade, mas desta vez é à escala mundial.

 

O nosso desejo é a superação rápida do cataclismo, e de tantos males que vagueiam na sociedade mundial actualmente. Alguns profetas do nosso tempo têm veiculado a ordem espiritual, enraizada no fundo do coração e que pode unir todos os povos, na superação dos males, interajuda nos infortúnios. Unidos valemos mais, sabemos mais, podemos mais, resistimos melhor, vencemos melhor! Saúde a todos!

 

Bild Corp
PUB