Notícias de Fátima
Autárquicas 2021 Religião Lazer Sociedade Educação Desporto Opinião Entrevistas Como Colaborar Contactos úteis Agenda Paróquia de Fátima
PUB
Home Entrevistas Miguel Ferreira: "As pessoas que têm fé são mais felizes"

Miguel Ferreira: "As pessoas que têm fé são mais felizes"

16-04-2021
Psicopedagogo, especializado em psicologia clínica e da saúde, formador, consultor, palestrante, colaborador assíduo do Notícias de Fátima, entre muitas outras coisas, Miguel Ferreira prepara‑se para dar mais um passo em frente, desta vez nas lides da escrita.

O especialista irá disponibilizar em livro um conjunto de artigos em forma de metáforas que tem vindo a publicar, quer nas páginas deste jornal, quer no seu site pessoal. A data de lançamento da obra ainda não está definida, mas, a propósito da publicação, o Miguel Ferreira foi o nosso entrevistado, onde se deu a conhecer a si e ao seu projecto profissional.

 

Miguel Ferreira tem 45 anos, é licenciado em Psicopedagogia, Pós‑Graduado em Psicologia Clínica e da Saúde, exerce clínica privada desde 2002. Advanced Master Practitioner, Trainer e Coach, especialista em formação nas áreas de Coaching, PNL – Programação Neurolinguística, actua como Life e Executive Coach, e também como Formador/Trainer, promove workshops, palestras e formações em diversas áreas: comportamento, comunicação e influência, relacionamentos, liderança, gestão, motivação e trabalho de equipa, terapia/ coach, vendas e negociação, entre outros.

 

Ficou rendido à Programação Neurolinguística (PNL) desde a primeira hora, passando a aplicá‑la nas diferentes áreas onde actua. “Quando encontramos uma coisa que é realmente boa e eficaz, já não a largamos. É como o caminho que fazemos todos os dias. Quando conhecemos um melhor vamos pelo pior? Claro que não!”, comenta.  E explica em poucas palavras este conceito: “A PNL copia modelos que têm resultados (pessoas que andam sempre bem dispostas, pessoas que conseguem atingir objectivos, pessoas que estão sempre serenas, pessoas que conseguem liderar pessoas, pessoas que conseguem falar bem em público, pessoas que conseguem mediar conflitos), e aplica‑os aos outros, para também eles terem melhores resultados”.

 

A entrevista pode ser lida na íntegra na edição de 16 de Abril de 2021.