Notícias de Fátima
Sociedade Religião Lazer Educação Desporto Política Opinião Entrevistas Como Colaborar Contactos úteis Agenda Paróquia de Fátima
PUB
Home Paróquia A coroação de Maria no Céu

A coroação de Maria no Céu

Paróquia - 3 de dezembro, 2021

Se, segundo as palavras do Salvador no Evangelho, a todos os justos é dada uma boa medida, cheia, pressionada e transbordante, que medida Ele não dará à Sua Santíssima Mãe? Se a todos os homens é geralmente dada a mesma medida que dão aos outros, que medida usa Nosso Senhor, ou melhor, pode Ele manter com aquele que sempre O serviu sem medida? A medida que a Virgem sempre manteve no que diz respeito ao serviço do seu Filho foi boa porque continha tudo o que é melhor e mais perfeito, sem a mistura de qualquer culpa; foi plena, porque continha a plenitude das graças, das virtudes e das obras mais sagradas, acompanhada de todas as circunstâncias que tornam uma ação perfeita; estava cheio porque continha muitos trabalhos, mortificações e dores; estava transbordante porque continha não só os preceitos cumpridos, mas também os conselhos evangélicos observados com um desejo ardente e ilimitado de se mostrar cada vez mais ao serviço do próprio Senhor a cada dia. Uma vez que, então, Deus distribui aos justos uma medida de glória que excede incomparavelmente os seus serviços, que glória Ele não reservou para Aquela que Ele escolheu entre todos os justos para ser Sua Mãe? Só Quem dá esta recompensa, e quem a recebe, pode compreendê-la. Para nós, basta saber que nada faltava à felicidade da Virgem, que ela estava plenamente satisfeita e que experimentou a verdade desta palavra de David: “Ficarei saciado quando surgir a vossa glória”.

 

Ó Rainha dos Anjos, não posso expressar-vos a alegria que sinto ao ver-vos assim elevada à direita do vosso Filho. Este ouro que brilha sobre vós é caridade; e esta variedade de ornamentos com os quais estais rodeada são as vossas virtudes. Se o primeiro anjo, perdido pelo orgulho, estava vestido no céu com um magnífico manto, enriquecido com nove tipos de pedras preciosas que representavam as diferentes perfeições dos nove coros da hóstia celestial, quanto mais vos é dado e adornado com todas as perfeições das pedras vivas que compõem a cidade do Altíssimo! Olhai, ó Mãe de Misericórdia, para a minha pobreza; dai-me o manto de noiva/o, quero dizer, a caridade, para que eu possa ser digna/o de aparecer perante Deus, e de saborear a sua presença em vossa companhia na eternidade.

 

Christine e Bernard

Mais Notícias Paróquia